5 dicas de como preparar sua empresa para atingir os objetivos de ESG

5 dicas de como preparar sua empresa para atingir os objetivos de ESG

Publicado em:

O assunto do momento que vem se destacando nas mídias é sem dúvida a agenda ESG. Com um escopo amplo e um olhar focado no meio ambiente, na sociedade e na governança, esta agenda aborda questões desde a utilização de energias renováveis e gestão de resíduos até diversidade, inclusão, impacto social, étnico e muito mais. 

Sua empresa ou onde você trabalha já está familiarizada com esses termos e como esse assunto está cada vez mais relevante no mercado, nos conselhos administrativos e nas decisões de investidores por todo o mundo?

homem de vista frontal com blocos de madeira 1

Confira abaixo 5 dicas de como preparar sua empresa para essa prática: 

  1. Os valores da agenda fazem sentido para o seu negócio? 

De início, é necessário entender o que se trata a sigla ESG: 

E: Environmental (meio ambiente);

S: Social (sociedade);

G: Governance (governança).

O conjunto desta tríplice integra uma complexa teia de relações complexas e interdependentes, onde todos de forma conjunta são beneficiados. A primeira letra da sigla, “E”, direciona as práticas corporativas em prol ao meio ambiente, envolvendo a diminuição da emissão de carbono, poluição do ar e da água, gestão de resíduos e demais atividades com impacto ambiental. 

O “S” por sua vez, remete ao pilar social envolvendo os colaboradores, clientes e a sociedade em geral. Será que esse grupo é afetado com os serviços que minha empresa realiza hoje? A resposta desta pergunta é um ótimo direcionamento para saber se a agenda faz sentido para seu negócio. 

A letra “G”, último pilar da sigla e coração da empresa: a governança, que envolve o modelo de sistema pela qual as empresas são dirigidas e monitoradas, seus sócios, diretoria e demais stakeholders e de que forma eles trabalham a transparência e os valores da organização.

Alinhar estes princípios a postura e metas de seu negócio é primordial para trilhar rumo ao ESG!

  1. Incentive sua equipe sobre o conhecimento na agenda

De nada adianta, se a equipe de trabalho não entende o motivo ou ainda, não compreende a aplicação das práticas do ESG. É necessário desenvolver a cultura da empresa com princípios da governança ambiental, social e corporativa. O ESG só é eficiente quando tudo é trabalhado em conjunto e com o conhecimento de todos, contando inclusive com a atuação de todos os setores da empresa.

Recorrer a profissionais especializados na área também ajuda a trazer o ESG para a realidade da equipe. Hoje no mercado existem diversas consultorias especializadas em fazer esse tipo de treinamento tanto para empresas pequenas quanto as de grande porte.

Criar um ambiente onde todos os colaboradores se sintam parte do processo e entendam a importância das mudanças propostas, torna a ideia da agenda mais clara, objetiva e participativa.

  1. Avalie a infraestrutura da empresa 

Rastreie os desperdícios de seu processo operacional como vazamentos de água ou instalações elétricas antigas que consomem energia de modo excessivo. Ações simples também podem ser empregadas como: trocar lâmpadas fluorescentes por LED; pintar as paredes de branco para refletir melhor a iluminação e sensores de movimento em locais com pouca circulação de pessoas. 

Se a empresa é 100% escritório, vale pensar no modelo híbrido de trabalho ou remoto. Durante e após a pandemia, a frequência nestas duas modalidades cresceu e a contribuição com a geração de carbono diminuiu de modo relevante conforme pesquisas recentes. Vale a pena pensar e alinhar com a equipe essas possibilidades. 

  1. Gestão de resíduos 

O caminho para a empresa que busca atingir os objetivos do ESG precisa de um gerenciamento de resíduos eficiente e efetivo. Buscar parcerias de reciclagem local, elaborar campanhas de redução de materiais que podem ser substituídos e buscar softwares para arquivar documentos são soluções eficientes que contribuem com a agenda.

Presentear a equipe e seus clientes com itens reutilizáveis como copos, ecobags e cadernetas de origem ecológica é uma ótima estratégia que compactua com a agenda e a ideia de selo verde, além de incentivar um mercado mais sustentável, traz para o dia a dia das pessoas esse hábito de consciência ambiental.

  1. O impacto da agenda

Em síntese, o ESG é o futuro das empresas por diversos motivos, flutuando desde o sucesso corporativo até a participação de um mundo melhor. Empresas que hoje seguem boas práticas ambientais, sociais e de governança se mostram mais estáveis e vistas pelos clientes e consumidores. 

No quesito social, a agenda tem bastante impacto na geração de empregos e no investimento local e no âmbito da governança as práticas de conduta e ética se associam com o posicionamento e reputação da empresa, seja ela de pequeno, médio e grande porte.

Conte com a Hidroplan!

Sustentabilidade é a palavra-chave para um futuro promissor, no pilar ambiental, social e empresarial. Conheça nossos diferenciais para atender você e o planeta!

Agenda ESG é sinônimo de Hidroplan! Conte com a gente!

REFERÊNCIAS:

Exame. 5 passos para fazer a transformação ESG na sua empresa. Disponível em: https://exame.com/esg/5-passos-para-fazer-a-transformacao-esg-na-sua-empresa/ 

Estadão - E-Investidor. Fundos ESG: Sustentabilidade em foco. Disponível em: https://einvestidor.estadao.com.br/investimentos/fundos-esg-sustentabilidade/ 

RH pra você. 8 dicas para implementar com sucesso as estratégias de ESG. Disponível em: https://rhpravoce.com.br/redacao/8-dicas-para-implementar-com-sucesso-as-estrategias-de-esg/ 

A HIDROPLAN, pioneira no país em hidrogeologia de contaminação e meio ambiente subterrâneo, realiza serviços de consultoria, assessoria e gerenciamento de projetos ambientais, focados em soluções ambientalmente sustentáveis e economicamente viáveis, pautados na excelência técnica, ética profissional e inovação tecnológica.

Acompanhe nossas redes sociais

(11) 4612.0480 / (11) 996615747

© 2022 Hidroplan. Todos os direitos reservados.
Versão Web 1.3.